Após ocorrer a fecundação o embrião deverá se desenvolver no útero materno. Mas caso você ainda não saiba como ocorre à implantação do óvulo, veja quais são os principais sinais e sintomas de que a implantação ocorreu.

Implantação do óvulo no útero:
Após seguir o trajeto pele trompa de falópio, o zigoto se implanta no endométrio (revestimento do útero materno), que engrossou para este momento. No momento em que ocorre a implantação do óvulo irá desencadear uma série de mudanças no corpo da mulher, a primeira é ausência da menstruação, inchaço das mamas e o cansaço constante. O corpo começa a se adaptar para que ocorra o desenvolvimento do bebê no útero materno.

Sangramento de implantação do óvulo:
Outro sinal bastante claro que a implantação do óvulo ocorreu é o sangramento vaginal. Que ocorre entre o e o 12° dia após a concepção. O sangramento é muito pequeno e pode se considerado um dos primeiros sinais da gravidez. Sendo que boa parte das mulheres acaba confundindo esse pequeno sangramento de implantação com a menstruação, por muitas vezes coincide com a data da próxima menstruação, sendo que a coloração do sangramento de implantação é de fácil detecção, já que possui tom rosada ou amarronzada e de consistência bastante diferente, além disso, o tempo em que ela dura é bem menor que a menstruação tradicional.

Cólicas pode ser um sinal da implantação do óvulo:
A cólica pode ser um sinal de que a implantação do embrião ocorreu no endométrio do útero materno. Geralmente essa dor ocorre no mesmo período da menstruação. Em alguns casos a cólicas são acompanhadas pelo sangramento de implantação, que falamos anteriormente.

Observação:
Apenas 25% das mulheres que engravidam podem sofrer um pequeno sangramento durante o primeiro trimestre de gravidez e apresentam outros sintomas como cólica duas semanas após a concepção.