A mala de maternidade deve está pronta entre a 34° e a 36° semana de gestação. Pois, caso ocorra alguma eventualidade você já estará preparada para o momento. Antes de sair arrumando a mala de maternidade é importante comprar alguns itens essenciais, como por exemplo, os organizadores de maternidade para separar as roupas que o bebê irá utilizar. Você pode mandar bordar o numero da roupa no envelopes. Já que você não estará e levantando para escolher qual a pouca que seu bebê deverá usar em cada momento.

Outra coisa importante é dar uma passada no hospital onde você terá o bebê e saber a política do hospital e perguntar quantas de roupas do bebê devem ser levadas, se será disponibilizada fraudas, se hospital fornece os produtos de higiene para o bebê, nos casos das meninas se o hospital faz o furo do brinco ou não, tudo tem que ser esclarecido antes de preparar a mala de maternidade do bebê e a sua. Veja a seguir, os itens que mais importantes para levar na mala de maternidade do bebê e da mamãe:

O que levar na mala de maternidade do bebê:

  • Geralmente a maternidade pede seis roupas para o bebê (3 para o dia e 3 para a noite);
  • Leve 3 lençóis grande para o bebê;
  • Levar 10 fraudas de pano para colocar no ombro, quando estiver com o bebê no colo ou for colocado para arrotar. Como é muito fácil cair o paninho no chão, levar essa quantidade fará com que você tenha uma reserva substancial;
  • 1 Manta 100% algodão. Que não é super necessário, mas caso a mãe deseje levar pode incluir em sua mala de maternidade. Em cidades mais quentes esse é um item não muito importante, mas caso a sua cidade tem clima mais frio não deixe de incluir;
  • Itens de cada conjuntinho: Antes de montar os conjuntinhos do seu bebê, certifique que todas as peças são 100% algodão;
  • Leve seis meinhas, que sempre devem está sendo utilizadas. Mesmo utilizando macaquinhos é bom colocar por cima as meias, pois os pés dos bebês ficam muito gelados e devem ser aquecidos;
  • Leve 3 pares de luvinhas, pois são muito importantes, já que os bebês que nascem a partir da 39° semana de gestação estão com as unhas compridas e elas não são cortadas no hospital. Para que o bebê não arranhe o restinho ou os olhinhos é fundamental estarem de luvinhas enquanto estiver no hospital. Não esqueça de colocar as luvinhas no primeiro conjuntinho que o bebê irá usar, pois caso tenha que ficar no bercinho aquecido irá evitar que ele se machuque.
  • Bodys 100% algodão;
  • 3 Pijaminhas para o bebê 100% algodão;
  • Caso você esteja esperando uma menina, acrescente uma tiara (que não aperte) ou lacinho para cada conjuntinho do bebê. E não esqueça de levar o brinco caso o hospital faça o furo na orelha.

Observações: Caso a mãe escolha uma calça que não cubra os pés, terá que colocar em seu bebê meias e sapatinho para proteção.

Antes de lavar as peças de roupas que farão parte da mala de maternidade corte todas as etiquetas para não incomodar o bebê.

Mala de maternidade do bebê e da mamãe 01

O que levar na mala de maternidade da mamãe:

  • Será necessário de 3 a 4 pijama ou camisola de maternidade. Os escolhidos devem ter a opção de abrir ou ter uma abertura para amamentar bebê de forma confortável. No momento em que você estiver experimentando a camisola escolha número maior que você utiliza, já que você poderá ficará inchada logo após o parto. Lembrando que você pode levar duas camisolas mais arrumadinhas e outras duas que você irá utilizar em sua casa;
  • Coloque ao menos 3 sutiãs de amamentação na mala de maternidade, dê preferência aos que são de tecido de algodão. Existem algumas opções que não são forrados por fora, mas por dentro são. Pois, caso os seios fiquem feridos, o fato de estarem em contato com o tecido de algodão irá acelerar o processo de cicatrização. Lembrando que após o início da amamentação os seis ainda crescem duas numerações a qual você está usando na reta final da gestação, por exemplo, se você está usando o 46 provavelmente irá utilizar o 48 após o parto;
  • Leve de 5 a 6 calcinhas para o pós parto. Elas são larguinhas e seguram um pouco mais a barriga. Lembrando que a calcinha não deve ter costura que possa ficar em cima de uma possível cesárea. Pois, pode ser que a costura machuque e leve a uma inflamação no local da cesárea;
  • Leve de 1 a 2 cintas para o pós parto. A dica é  se você estiver ainda no 5° mês da gestação a hora de comprar a cinta é agora, pois ele irá caber certinho após o parto. Lembrando que a cinta dever uma boa sustentação, pois no início ela irá substituir a musculatura do abdômen no momento em que você irá se levantar sem forçar tanto caso você tenha passado por uma cesariana ou para manter a musculatura que passou durante os nove meses super alongado e que acaba não tento força necessário para desempenhar o seu papel;
    Lembrando que o uso da cinta não é necessário por vários meses, mas fundamental para os primeiros dias após o parto já que ela ajuda bastante e você se sentirá mais confortável;
  • Você tem que levar os seus itens de higiene pessoal ao hospital. Evite produtos muito perfumados;
  • Levar pomada de lanolina que hidrata e protege os mamilos rachados e doloridos;
  • Leve absorvente para o pós parto;
  • Roupa leve e confortável para a saída da maternidade. Utilize uma roupa folgadinha;
  • Chinelinho.

Observação importante: Todas as roupas que farão parte da mala de maternidade, tanto do bebê como da mãe devem ser lavados com  e enxaguar bem! Quando estiver passando não utilizar o “passa-bem” e sim borrifar com água. Já que não pode ter contato com perfume.